Buscar
  • GASTROCENTER

Cirurgia metabólica




A cirurgia metabólica é um procedimento cada vez mais comum para pacientes que sofrem de diabetes, e consequentemente com o excesso de peso ocasionado pelo distúrbio. De acordo com o Ministério da Saúde, mais da metade dos brasileiros (55,7%) tem excesso de peso, e cerca de 18,8% sofre com a obesidade.

Já de acordo com a pesquisa Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), em 10 anos, de 2006 até 2016, a quantidade de diabéticos no Brasil aumentou 61,8%. Hoje, cerca de 5,5% da população sofre com a doença.


E esse número crescente se deve justamente ao fato da obesidade a diabetes serem comorbidades. Ou seja, doenças associadas. E uma das alternativas para o controle da diabetes, juntamente com o do peso, e a cirurgia metabólica.


O que é e como funciona a cirurgia metabólica?


A cirurgia metabólica consiste em um procedimento cirúrgico que altera a síntese dos hormônios responsáveis por controlar os níveis de glicose no sangue.

O funcionamento desse tipo de procedimento varia conforme a abordagem escolhida pelo cirurgião. Ela pode ocorrer de forma aberta, quando o paciente passa por uma operação mais complexa, ou minimamente invasiva.

Além disso, pode ocorrer ou não o desvio intestinal. Tudo vai depender do quadro do paciente, seu histórico médico, e até mesmas questões genéticas, como pessoas da família com determinadas doenças.


Tipos de cirurgia metabólica


Existem vários tipos de cirurgia metabólica, que variam conforme a abordagem escolhida pelo cirurgião. Mas, entre as mais comuns estão:

  • Bypass Gástrico

Também chamada gastroplastia com desvio intestinal em “Y de Roux”, o paciente passa por um procedimento onde parte do seu estômago é grampeado. Dessa maneira, há uma redução no espaço para alimentos.

Além disso, por conta do desvio intestinal, há um aumento na quantidade de hormônios por gerar a sensação de saciedade, e uma redução na sensação de fome. Todos esses fatores em conjunto, ajuda diretamente no controle da diabetes, e também em outros aspectos da vida do paciente, como a hipertensão arterial e o emagrecimento.

  • Gastrectomia Vertical (Sleeve)

Outra técnica de cirurgia metabólica é a Sleeve. Nesse caso, o procedimento é mais restritivo, uma vez que o formato do estômago é modificado, passando a ser um tubo que tem capacidade máxima de 100 mililitros (ml).

Esse é um procedimento que também tem alta eficiência no controle da hipertensão, diabetes e de doenças dos lipídios (colesterol e triglicérides). Além disso, ela também promove uma grande perda de peso, levando em conta que a capacidade do estômago é drasticamente reduzida.


Para quem ela é indicada?





Um ponto importante sobre a cirurgia metabólica é que ela não é indicada para qualquer pessoa. Na verdade, ela é indicada apenas para pessoas que tenham um mal controle glicêmico, e que estão sofrendo de obesidade como comorbidade.

Seguindo as recomendações do Conselho Federal de Medicina, a técnica só deve ser realizada em pacientes que sofrem com diabetes tipo 2, difícil controle glicêmico obesidade grau I.


Além disso, os candidatos a esse tipo de procedimento cirúrgico precisam ter obrigatoriamente um índice de massa corpórea superior a 30kh/m2. A idade mínima para o procedimento é de 30 anos de idade, e a diabetes do tipo 2 deve ter sido definida a menos de 10 anos.


O paciente ainda precisará passar por uma bateria de exames para verificar se não há qualquer tipo de contraindicação por conta do quadro. Somente, então a operação é liberada.


Quais os benefícios de fazer esse tipo de operação?





A Cirurgia metabólica é uma alternativa cada vez mais indicada para pacientes diabéticos que lidam com o excesso de peso e a falta de controle glicêmico há anos. Além de melhorar o gerenciamento dos níveis de açúcar no sangue, esse procedimento também traz uma série de outras vantagens tais como:

  • Mais facilidade para manter uma alimentação equilibrada

Uma vez que essa operação reduz a capacidade e funcionamento do estômago, é possível ter mais controle sobre a alimentação, evitando assim a compulsão alimentar. Isso contribui diretamente com o modo que o paciente lida com a alimentação, fome e saciedade.

  • Garante mais disposição para o dia a dia

Outro grande benefício da Cirurgia metabólica é que ela traz mais disposição para o dia a dia. Isso porque, ela otimiza o modo como seu corpo gerencia o açúcar, fazendo assim que você tenha mais energia.

Inclusive, isso acaba ajudando diretamente na adoção de um estilo de vida mais saudável.

  • Redução no peso

Apesar de no caso da Cirurgia metabólica o foco não ser a redução de peso, ela também contribui com esse fator. A redução na capacidade do estômago faz com que o paciente coma menos.

Além disso, quando há o desvio intestinal, a sensação de saciedade da pessoa aumenta, fazendo assim que ela tenha menos fome e se sinta saciada por mais tempo. Dessa forma, é possível perder peso rapidamente, mas de maneira saudável.

  • Reduz os riscos de outras doenças

O controle ineficiente da glicose bem como o excesso de peso, são considerados fatores de risco para outras doenças, como é o caso da hipertensão, AVC e até mesmo doenças mentais como a depressão.

Logo, ao fazer a Cirurgia metabólica, você consegue reduzir os riscos de desenvolvimento dessas e outras doenças. Isso sem contar que o fato do paciente conseguir gerenciar a glicose de maneira mais eficiente, e eliminar o peso em excesso, também contribui para uma melhoria na qualidade de vida, no bem-estar e até mesmo na autoestima do paciente, uma vez que ele se sente bem consigo mesmo.

A Cirurgia metabólica pode ser uma excelente alternativa para quem sofre de diabetes do tipo 2. Contudo, é sempre importante procurar um especialista para obter as orientações necessárias.



Diferença da Cirurgia metabólica e da cirurgia bariátrica


Apesar de serem frequentemente associadas como o mesmo procedimento, a cirurgia metabólica e a bariátrica são operações diferentes. Elas são similares, podendo muitas vezes usarem um mesmo tipo de técnica.

No caso da bariátrica, o foco principal é estimular a perda de peso no paciente. Por sua vez, a metabólica visa controlar a diabete.

Enquanto a primeira ajuda a reduzir a capacidade do estômago e de absorção de nutrientes, fazendo assim que o paciente tenha mais facilidade para eliminar os quilos em excesso, a segunda (a metabólica) irá modificar a síntese dos hormônios responsáveis por controlar os níveis de açúcar no sangue.


Onde fazer uma Cirurgia metabólica com segurança e tranquilidade


A cirurgia metabólica precisa ser feita em uma clínica especializada, que conte com toda a infraestrutura e suporte necessários para garantir a sua segurança e tranquilidade. O ideal é que você sempre marque uma consulta para visitar o local e conhecer a equipe.

Com mais de 20 anos de atuação, a Gatro Center é uma referência em tratamentos da obesidade e também de outras doenças digestivas. Referência no mercado, ela conta com uma equipe especializada, comandada pelo Dr. Edgard W. Gripp, especializado em Cirurgia do Aparelho Digestivo, Videocirurgia, Cirurgia Bariátrica e Metabólica.

A clínica também conta com uma ampla infraestrutura para garantir aos pacientes, total agilidade no atendimento, sempre com segurança e um atendimento humanizado.


Quer saber mais sobre a cirurgia metabólica? Aproveite e marque a sua consulta na Gastrocenter.


2 visualizações

Av. Jose Monteiro de Figueiredo, 829  Bairro Duque de Caxias,

CEP: 78.043-300 - Cuiabá-MT

Telefone: (65) 3614-9500 recepcao@gastrocentermt.com.br

© 2019 GASTROCENTER